terça-feira, 11 de julho de 2017

Das corridas... - XXVI

E soluções milagrosas para as bolhas nos pés, há?

Já experimentei diversos pares de meias, já experimentei diversos pares de ténis, e comprei um creme na Decathlon que quase resolvia o problema.

Mas voltei à fase fantástica de correr 5km e fazer bolhas...

11 comentários:

  1. Olá!
    Não tenho dicas práticas para evitar as bolhas, dado que não costumo padecer desse mal. Os ténis que uso são de um número e meio acima do tamanho real do meu pé e as meias que costumo usar, são meias normais de desporto. No entanto fica aqui o link sobre como desinfectar e acelerar o processo de cicatrização.
    São conselhos dedicados a caminhantes, mas parece-me que servirão também a corredores.

    https://www.facebook.com/amigosdocaminho/posts/1199681300050117

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que sorte! :)

      Os meus ténis também são sempre acima... As meias já experimentei de diferentes marcas (mais caras e mais baratas). Já não sei bem o que fazer!

      Obrigada pelo link! Boas dicas :)

      Eliminar
  2. Olá!
    O que vou escrever é do que tenho lido pois, felizmente, em 12 anos de corridas nunca tive uma bolha.
    - As meias não terem costuras
    - Os sapatos de corrida serem maiores do que o sapato normal (tem que caber um dedo entre o calcanhar e o sapato)
    - Colocar vaselina nas zonas susceptíveis de criarem bolhas
    - Andar bem hidratada

    E, naquela-que-não-pode-ser-mencionada, levar pensos para emergências dessas.

    Força!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ai! Que inveja! Eu acho que tenho desde quase sempre... Só tenho alturas melhores e alturas piores... O calor não ajuda, claro.

      Faço check nessas coisas todas que referes!... Já comprei meias anti-bolhas da Nike e é igual. Sejam quais forem os ténis (marcas diferentes, estrada ou trail), é igual. Uso um creme próprio para estas coisas da Decathlon, e é igual (ainda que durante uns tempos parecesse ter resolvido...). Ando sempre bem hidratada por dentro e por fora (ahahahah!).

      O meu caso, regra geral, não é muito grave. Faço bolhas de líquido que desaparecem com alguma facilidade (se eu não correr mais...). Já houve uma ou outra vez em que fiquei mesmo com os pés em mau estado, com sangue pisado. Mas, regra geral, não é muito grave, desde que eu não corra muito. Se quero treinar mais, fico com bolhas em cima de bolhas e não é bonito... Isso e as dores enquanto corro, que são chatas em distâncias mais longas...

      Já me passou de tudo pela cabeça... Já não sei bem mais o que testar. Vou esperar pelo meu milagre :D

      Eliminar
  3. Por acaso não sou muito dada a bolhas.... Estas últimas sapatilhas que comprei é que têm ali uma coisa qq na palmilha que ÀS VEZES lá me fazem uma bolhita de lado. Confesso que ainda nem investiguei porque não faz sempre que corro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo menos, tens uma ideia do que possas ser... É tão chato :/ Bons treinos!

      Eliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Curioso que um dia antes de publicares este post uma amiga minha partilhou ali na rede social a solução mágica que resultou com ela:

    https://www.facebook.com/Corrercomanemia/photos/pb.143841812728749.-2207520000.1499867306./324191878027074/?type=3&theater

    Confio na palavra dela e não posso dar opinião própria porque também não costumo padecer desse mal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela recomendação! O que eu uso é desse género :)

      Eliminar
  6. Deve ser o pior pesadelo de um corredor oh Agri!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mau, é... Deixa-me com algum receio do futuro!

      Eliminar